Busquets e 1ª Lei de Newton

A primeira lei de Newton indica que “Todo corpo continua no seu estado de repouso ou de movimento uniforme numa linha reta, a menos que seja forçado a mudar aquele estado por forças aplicadas sobre ele”. Isto é, numa versão muito simplificada, um corpo tende a manter o seu movimento.

Neste momento perguntam-se vocês: “O que é que a física e as leis de Newton tem a ver com o futebol?”. E a resposta é: tudo!

Aplicando estes conhecimentos básicos de fisica, é facil intuir que é possivel desequilibrar um adversário com rápidas mudanças de direcão e ganhar espaço para jogar. Como o adversário só irá reagir após a nossa ação e terá de contrariar o movimento que a primeira lei de Newton ou lei da inércia indica que tenderá a manter, a reação do adversário será sempre mais lenta que a nossa ação. Assim sendo ao “brincar” com esta lei da física poderemos criar espaços num futebol onde os há cada vez menos.

Como consequência disto, quando os jogadores se encontram numa situação inversa, isto é, sendo eles a defender, torna-se óbvia a importância de uma correta colocação dos apoios, permitindo aos jogadores uma reação tão rápida quanto possível, diminuindo assim o espaço criado pelo gap existente entre a ação adversária e a nossa reação.

317633fd00000578-0-image-a-36_1456189056678

Mas então qual a melhor colocação dos apoios? Ora bem, depende muito da zona e do momento de jogo. Mas por exemplo, para a linha defensiva, os apoios devem estar virados um para o adversário e outro para a baliza. Desta forma, a linha defensiva pode subir quando o adversário não estiver em posição de ameaçar um passe vertical em profundidade, diminuindo o espaço para jogar, ou pode descer rapidamente, de modo a controlar esses passes para  a profundidade. Neste post extremamente pertinente por parte do Honoris do Domínio Tático (aqui), podemos ver uma linha defensiva de excelência, sob os comandos de Maurício Sarri, durante o seu reinado em Empoli, onde a colocação dos apoios é um pormenor importante e bem trabalhado.

Já esta semana, durante o jogo com os suecos do Ostersunds Maicon, central ex-Porto, deu um festival de como não colocar os apoios, sendo completamente quebrado num lance que acabou por resultar no 2º golo dos suecos.

https://streamable.com/tzvxs

Mas este post tem como principal objetivo, expor uma forma de jogar com essa colocação dos apoios e com a lei da inércia no futebol.

Como já referi várias vezes, uma das principais armas ofensivas do futebol é o engodo. Forçando o adversário a tomar uma ação, pré-definida por nós, conseguimos então criar espaço por onde jogar. Desta forma, simular um passe que leve os adversários a colocar os apoios de forma incorreta, isto é, que torne difícil contrariar o movimento que assumiram, poderá ser uma ação bastante positiva na hora de criar espaço.

Para exemplificar isto utilizarei este vídeo onde Busquets executa ações desta ordem de maneira exemplar, brincando com as leis da física provadas por Newton.

Como podemos ver no vídeo, a posição corporal e o movimento que a ação de Busquets os leva a tomar, tornam-se muito difíceis de contrariar. Com esta simples ação a verdadeira intenção de Busquets torna-se mais fácil de executar, abrindo espaços onde dantes não os havia. É agora mais fácil executar passes verticais que quebrem linhas e penetrem o bloco adversário, com as consequências positivas que conhecemos. Um pormenor que muitos poderão achar demasiado complicado e que este tipo de análise só prejudica o futebol, mas a verdade é que estas ações tem influência no final, como podemos ver por estes lances.

Mais exemplos deste tipo de “passe disfarçado” podem ser vistos nestes vídeos. Também Verratti aperfeiçoou esta técnica, este tipo de ações.

Já neste vídeo temos um apanhado de diversos lances

Anúncios

One Reply to “Busquets e 1ª Lei de Newton”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s